Review do livro Strong Product People de Petra Wille

Apesar de focado em lideranças de produto, a obra de Petra Wille tem muito a ensinar Product Managers que querem subir na carreira

Difícil saber se a área de produto tornou-se suficientemente madura para abranger com profundidade uma série de assuntos que fazem parte de sua rotina: da liderança de times multidisciplinares à conexão com estratégia. O fato é que muitos Product Managers têm lidado mais com playbooks para saber se atuam ou não em uma companhia que enxerga o valor de sua posição do que de fato ampliar os horizontes.

O livro de Petra Wille não consegue se desamarrar dessa tentativa de ser um playbook, mas contribui para a área trazendo uma nova perspectiva: como ser um líder efetivo de Product Managers, principalmente como Head de Produto.

Não é preciso ter chegado a essa cadeira para desfrutar a relevância de Strong Product Manager (ainda não traduzido para o português). Se você já atua como PM, pode entender melhor como sua liderança enxerga o seu papel e o papel de seus colegas. E, além disso, ter mais detalhes das competências necessárias para desempenhar seu papel como líder de PMs.

Para quem já atua como Group Product Manager ou Head de Produto, o livro de Petra Wille aborda em nível gerencial o que é necessário saber e avaliar sobre agilidade, métricas, discovery e delivery dos seus liderados.

Uma das dicas mais valiosas que ela traz é: escreva e tenha como mantra o que você espera como evolução dos PMs.

Como exemplo, ela apresenta o PMWheel, que pode ser utilizado tanto por PMs quanto líderes de produto: o PM pode ter como uma régua pessoal de desenvolvimento (contanto que tenha capacidade de contextualizar no local em que trabalha) e o líder de produto tem a oportunidade de não só ‘copiar’ como adaptar este framework ao contexto e, principalmente, ao que realmente espera de seus liderados.

As 8 dimensões do PM Wheel

Fonte: Petra Wille
  1. Understand the problem

“Será que os PMs do seu time estão cientes dos problemas que os usuários estão se deparando? Eles entendem os motivos, problemas ou crenças do público-alvo? Será que eles consideraram as necessidades da organização em que trabalham?”

2. Find a solution

“Eles encontraram problemas que valem a pena resolver? Ótimo! Será que o PM tem se aliado com times e stakeholders para surgir com soluções possíveis e experimentos que valham a pena ser testados?”

3. Do some planning

“Não importa se você é fã do bom e velho roadmap ou se conhece todos os truques para uma boa planning, o fato é que o PM precisa ter um plano e um storytelling que justifique o que vem em seguida”.

4. Get it done!

“Todo PM precisa saber como trabalhar junto ao time de desenvolvimento para que o produto chegue ao cliente final”

5. Listen and learn

“A partir do momento que você lança algo novo, o PM precisa ter a curiosidade para saber se e como as pessoas estão utilizando o produto, além de fazer as iterações a partir dos aprendizados em busca de evoluir o produto”.

6. Team

“Será que o PM é bom quando se trata de trabalho em equipe? O que ele sabe sobre liderança lateral e motivação para o seu time no dia a dia?”

7. Grow!

“O PM está investindo tempo necessário em seu crescimento pessoal como uma pessoa de produto?”

8. Agile

“Será que ele está apenas seguindo a cartilha das metodologias ágeis ou ele realmente compreende os valores, princípios e formas de trabalho da Agilidade?”

Desenvolvendo PMs

Se a atuação de um PM é complexa o suficiente, imagina só desenvolver um PM?

Um dos maiores desafios nesse sentido é auxiliá-los a encontrar a métrica perfeita de seus produtos. “Minha resposta curta sempre é: ‘diga a eles para fazerem desk research: encontre algumas estatísticas, estudos, padrões e assim por diante’”, aconselha Petra.

Muitos PMs acabam absorvidos pelo dia a dia e esquecem que precisam de tempo para pensar em como seu produto pode impactar o negócio. Petra estimula os líderes a encorajarem os PMs nessa procura - algo que nem todas as empresas costumam fazer, é verdade.

Gerenciamento de tempo é um ponto em que os líderes deveriam dar mais autonomia aos PMs. Petra enfatiza o conceito de flow: “quando você está imerso em uma atividade que possui seu total foco e atenção, você pode sentir como se estivesse esticando o tempo”. Bloquear espaços na agenda em que possa desenvolver o flow, seja na hora de analisar métricas, pensar em discovery ou até mesmo estruturar roadmaps, é imprescindível na jornada.

E isso não vale apenas para os PMs enquanto contribuidores individuais. Heads de produto também precisam do tempo para pensar, para não correrem o risco de serem interrompidos em momento de flow e ter a “dificuldade de voltar para esse estado”, como diz a autora.

Entre outras atribuições, o líder precisa apoiar o PM para focar nas iniciativas que realmente valem a pena, deixar claro o que é necessário para evoluir em sua carreira e estimular quando o profissional tiver alguma atividade em que se sobressaia: por exemplo, se um de seus liderados é bom em contar histórias com dados, sugira treinar outros PMs focado nessa habilidade.

Conclusão

Reforçando algumas características já sedimentadas da profissão, Petra Wille encontrou o balanço para se fazer entender tanto por líderes quanto liderados (que querem ser líderes algum dia).

Seus ensinamentos agregam o que autores mais conhecidos, como Marty Cagan e Teresa Torres, já explicaram e teorizaram em livros e blogs. A contribuição é focar na liderança de produtos considerando suas distintas nuances: das expectativas que precisa lidar no dia a dia ao efetivo gerenciamento individual do tempo, ainda um desafio para muitos gestores e diretores.

Referências

Você sabia que temos conteúdos exclusivos para assinantes do portal?

Além de ter acesso ilimitado a todos os conteúdos, você também pode participar de palestras exclusivas, sessões de Q&A, mentorias em grupo e acesso à descontos em cursos. E claro, assinando você nos ajuda a manter o projeto e aumentar a nossa produção de conteúdo.

Você pode assinar clicando aqui

Inscreva-se Product Oversee

Textos todas às quartas 7h45 na sua caixa de entrada.
Inscreva-se grátis