Product Oversee

Feliz caminho triste

Planejamento e refinamento são fundamentais para a fluidez das entregas

Imagem de destaque de Feliz caminho triste

Quem nunca passou por aquele momento em que depois de comemorar o lançamento de uma importante feature para o produto, começa a ter dor de cabeça com bugs e reclamações sobre esta nova funcionalidade? Neste momento, o time discute o que pode ter acontecido de errado e isto normalmente acontece quando o cenário não foi bem mapeado, ou seja, ao pensar na nova funcionalidade só foi considerado o “caminho feliz”.

Para reduzir estes riscos, é fundamental que o time tenha tempo para um refinamento adequado, e que possam ser debatidos as diversas possibilidades envolvidas neste novo entregável. Tentando colocar aqui um exemplo prático, vamos imaginar que este novo épico considera disponibilizar para o seu cliente um bônus pela compra/utilização do seu produto. Você como PM vai lá e escreve as histórias e no refinamento só considera o “caminho feliz” junto com o time, que na sequência, desenvolve e entrega ao cliente essa nova funcionalidade.

Os primeiros dias em produção mostram um sucesso da feature, todos comemoram, e aí vem o primeiro problema, o sistema creditou o bônus para um cliente que cancelou a compra/utilização do seu produto e você precisa rapidamente efetuar um estorno deste bônus. Aí descobre que este fluxo não foi considerado e terá que parar o time novamente, que já está alocado em outro tema e terá que replanejar a próxima release por conta disto.

Situações como esta são recorrentes em equipes de produto, mesmo nos times mais seniores, já que nem sempre é possível considerar no início todos os cenários. O importante é evitar ao máximo situações assim fazendo um bom planejamento para que desta forma possam ser previstos não apenas o “caminho feliz”, mas também o “caminho triste”.

A chave está num discovery bem feito

Utilize processos de Discovery que sejam possíveis dentro da sua realidade, teste com alguns clientes antes de desenvolver e avalie se os cenários estão mapeados. Isto com certeza irá garantir que a cada dia mais o time possa avançar no tabuleiro do roadmap sem precisar ficar voltando casas.

Normalmente os grandes erros vêm da falta de planejamento (ou refinamento). E aqui vão algumas dicas, entre várias outras possíveis, para minimizar os riscos:

  • Deixe claro ao time qual o escopo da feature
  • Apresente benchmarkings sempre que possível
  • Coloque as dúvidas de negócio e de tecnologia para serem debatidas
  • Coloque no papel os diferentes cenários a serem validados
  • Faça um cenário de testes
  • Segmente as histórias se estiverem muito grandes
  • Se tiver resultados prévios de validação, melhor ainda, apresente ao time.

Simplifique ao máximo, pois a ideia do refinamento não é engessar o desenvolvimento. Pelo contrário, um bom refinamento reduz o tempo de desenvolvimento e assegura que os principais riscos foram mitigados. Essa rotina precisa ser compartilhada e alinhada com os stakeholders, pois não é incomum empresas onde este público não vê valor nesta etapa.